Avisos

Projeto Ensino Médio Inovador - PROEMI - por um currículo que valorize a Educação Integral.

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Filosofia, Missão, Visão, Valores


 Filosofia DA ESCOLA
A Escola Estadual Senador João Bosco Ramos de Lima tem como filosofia, a busca contínua por uma pedagogia voltada para a construção da autonomia do aluno, respeitando as diferenças, favorecendo o desenvolvimento e a valorização das habilidades e competências.
É no respeito às diferenças que a escola busca adequar-se a educação inclusiva e procurando responder às necessidades de aprendizagem dos jovens com o olhar específico naqueles que são vulneráveis à marginalização e exclusão.  Nesta perspectiva, a escola busca acolher jovens, independente de suas condições físicas, intelectuais, sociais, emocionais, lingüísticas e outras, representa a possibilidade de combater a exclusão e responder as especificidades dos alunos.    

 Missão:
Aprimoramento da eficiência e da qualidade da educação pública a fim de torná-la cada vez mais democrática e formadora de cidadãos preparados para o trabalho e para o pleno exercício da cidadania.

Visão:
De Sociedade - A ação do homem sobre a natureza é uma ação coletiva, não acontece por parte de um único indivíduo, mas sim por parte de grupos organizados onde a relação do homem com seu semelhante constituirá a prática social. A escola pretende assegurar um ensino de qualidade, garantindo o acesso e permanência dos alunos, formando cidadãos críticos e participativos, capazes de agir na transformação da sociedade.
De Mundo - No seu viver, o homem se relaciona com a natureza, com os outros homens e consigo mesmo. Essas características fazem dele um ser de relações fundamentalmente práticas que se processarão através de ações, operações, intervenções, sempre no intuito de garantir a sobrevivência numa troca ininterrupta de elementos naturais entre o seu corpo e a natureza ambiental. A escola estimulará o aluno a refletir, criticar e escolher alternativas, usando a criatividade-sensibilidade para ajustar-se ao ambiente natural e social.
Do Conhecimento - É necessário a busca constante do conhecimento e questionar o já existente onde a interpretação, análise, extrapolação, síntese e avaliação possam conduzir alunos e professores a assumir atitude interdisciplinar e de pesquisa, superando a visão dicotômica entre teoria e prática.
De Escola - Ambiente facilitador do processo de ensino-aprendizagem onde o aluno possa inovar e não simplesmente repetir o que outras gerações já tenham feito, a fim de fomentar uma aprendizagem significativa, construindo novos conceitos pautados nos princípios da Gestão Participativa, onde todos os envolvidos no processo são responsáveis pela otimização dos serviços que oferecemos.

 Valores:
A educação em valores permeia os dispositivos da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional e pode ser observada à primeira leitura do artigo 2º, que, ao definir a educação como dever da família e do Estado, afirma que a mesma é inspirada nos princípios de liberdade e nos ideais de solidariedade humana, tendo por finalidade o pleno desenvolvimento do educando, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho.
Sendo assim, na Escola Estadual “Senador João Bosco Ramos de Lima”, a educação em valores estará presente em todas as disciplinas do currículo escolar. Para educar em valores, o professor organizará seu plano de ensino em atividades lúdicas, reflexivas e conceituais sobre temas transversais agregando a estes os valores necessários para a formação de nossos alunos. Os valores a serem trabalhados são os seguintes:

Responsabilidade - diz respeito ao cumprimento dos deveres e obrigações dos membros da comunidade escolar para com a Instituição em geral;
 Solidariedade – seguimos aqui as palavras de João Paulo II na sua Carta Encíclica “Solicitude Social da Igreja” (1987) no n.º 38 que a define como a “determinação firme e perseverante de se empenhar pelo bem comum, ou seja, pelo bem de todos e de cada um, porque todos nós somos verdadeiramente responsáveis por todos”; 
Igualdade – concebemos a igualdade como um conceito sempre em construção, podendo ser considerada como uma garantia de imparcialidade e um critério de razoabilidade na aplicação da justiça;
Tolerância – é o exercício necessário para se conquistar a sabedoria. Onde todos possam ser plenamente respeitados e respeitadores das diferenças humanas;
 Respeito – seguir os princípios da dignidade humana e da empatia, fundamentos de toda a ética.
  É trabalhando esses valores que a Escola Estadual “senador João Bosco” trabalha os quatro pilares da educação por entender que no mundo, os métodos pedagógicos são renovados, em razão da conquista do conhecimento nas suas diferentes áreas. A psicologia infantil tem contribuído para o mais profundo e claro entendimento em torno das possibilidades de aprendizagem, ensejando novas técnicas para a educação. Essa prática pedagógica mostra que a educação deve preocupar-se em desenvolver quatro aprendizagens fundamentais, que serão para cada indivíduo os pilares do conhecimento: aprender a conhecer, indica o interesse, a abertura para conhecimento, que verdadeiramente liberta da ignorância; aprender a fazer, mostra a coragem de executar, de correr riscos, de errar mesmo na busca de acertar; aprender a conviver, aqui temos o desafio da convivência que apresenta o respeito a todos e o exercício de fraternidade como caminho do entendimento e, finalmente; aprender a ser, visto, talvez, como o mais importante, por explicitar aí o papel do cidadão e o objetivo de viver.                     

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário